Como controlar o tempo de uso do celular de crianças e adolescentes

126

Atualmente crianças e adolescentes passam horas ao celular e seus smartphone. Eles usam para jogar, para se comunicar, para pesquisar e o que mais for possível, como selfies. Eles tem um vida on-line nas redes sociais.

Os custos são baratos, dificilmente os pais vão reclamar da conta, mas boa parte dos pais já percebeu que, o tempo “perdido” pode custar caro.

O uso do telefone, como todas as coisas da vida, exige equilíbrio e limites. Aqui listamos algumas maneiras de tirar ou impor esses limites a seus filhos quando o assunto for celular.
PRATIQUE O QUE VOCÊ FALA01-practice-ways-get-kids-off-phones-without-bribery-37707798-gpointstudio-760x506
Se você verificar incessantemente o e-mail durante o jantar ou responder a mensagens de whats app durante os passeios familiares, você pode estar contribuindo para o comportamento do seu filho, verifique esses sinais silenciosos de que você pode ter um vício em telefone celular.

Se você quer que seus filhos saiam de seus celulares, você precisa sair do seu, ou ainda, mexer nele de forma organizada. 

Todo pais precisa lembrar que é modelo para seu filho. Pode não parecer, mas as crianças estão assistindo e aprendendo com os pais o tempo todo. Tente fazer com que a família inteira deixe os telefones desligados ou pelo menos guardados durante o tempo que passamos juntos. E sempre desligue sua campainha durante os eventos que são importantes para o seu filho, como jogos da escola e jogos esportivos.
DEFINIR LIMITES QUE POSSAM SER CUMPRIDOS02-set-ways-get-kids-off-phones-without-bribery-69498283-lzf-760x506

Os adolescentes são muito obcecados por tecnologia, seja no Brasil ou no mundo. Porém, isso não significa que você não possa impor limites.

É um trabalho dos pais estabelecer limites para o uso seguro da tecnologia, para que seus filhos aprendam como usar os dispositivos de comunicação de maneira saudável. 

O pai deve ter em mente, que o smartphone não é de seu filho, mas sim seu. Você como pai apenas deixa ele usar. Então, você sendo dono do aparelho, você que faz as regras, porém elas devem ser plausíveis. Elas precisam ser fáceis de serem cumpridas.

O principal é estabelecer o tempo que seu filho ficará ao celular. Deixar ele ficar mais de 10 horas por dia mexendo no celular, é muito ruim. Provavelmente, isso causará dependência.

As crianças podem acreditar que o mundo ali dentro do celular é o real, e o que está aqui fora é outro. De acordo, com psicólogos, quanto mais jovem é a crianças menos tempo ela deve ficar usando o celular. Ou seja, se seu filho tem 5 anos, deve ficar uma hora por dia, se ele tem 10 anos deve ficar 3 horas e com 15 anos ele não pode passar de 9 horas ao celular. 
NÃO FAÇA DISSO UM CASTIGO 03-make-ways-get-kids-off-phones-without-bribery-84825173-max-kegfire-760x506

O telefone que seu filho usa é a chave do mundo social para ele, isso é cada vez mais importante, quanto maior a idade dele.

É interessante estabelecer limites, mas tirar o aparelho dele como punição pode sair pela culatra.

Conforme relatado pelo Child Mind Institute, a comunicação virtual tem um papel positivo na vida das crianças, e eliminá-lo totalmente pode prejudicar a confiança.

O celular é a principal linha de vida deles e a conexão com o mundo deles, reconhecer isso pode ajudar a orientar os pais na imposição de limites, mas não de exclusão.

FAÇA DAS REFEIÇÕES UMA HORA LIVRE DE SMARTFONES04-meals-ways-get-kids-off-phones-without-bribery-78899205-ballero-760x506

Para muitas famílias, um jantar é uma hora sagrada, em que o mais importante é a família.

Um barulho constante e cabeças baixas sobre os telefones podem tirar o melhor dessa experiência e distanciar os membros da família.

Quando toca o telefone durante o jantar, o correto é não atender, como acontecia em grande parte das famílias mais tradicionais. Porém, agora existem toques para tudo, vibracall etc.

O dia a dia está muito agitado e corrido na sociedade de hoje, por isso, ao reunir a todos numa mesa para o almoço ou jantar, o minimo é desligar ou desconectar os telefones. É vida é saudável. 

 

USE TECNOLOGIA PARA CONTROLAR A TECNOLOGIA05-use-ways-get-kids-off-phones-without-bribery-81022099-Ridofranz-760x506

Existem várias aplicativos de controle para os pais, um dos mais conhecidos é OurPact que controla o tempo que telefone será utilizado por dia, além dos pais terem o poder de desligar os celulares quando quiserem.

O aplicativo ainda vem com orientações e dicas como criar um uso equilibrado da tecnologia em casa. Inclui um bloqueador de aplicativos e bloqueio de tempo dos pais.

 

 

SEMPRE ESTEJA DISPOSTO A SER O PIOR PAI OU MÃE !06-willing-ways-get-kids-off-phones-without-bribery-98552055-vadimguzhva-760x506
Não é fácil educar os filhos. Muitas vezes os pais são odiados por seus filhos, e isso é comum em toda a família. Sempre haverá um momento que isso vai acontecer, mas logo volta ao normal.

Antes dar celulares aos filhos os pais tem que fazer um acordo bem detalhado com os filhos, quase um contrato de uso. Colocando o que pode ou não ser feito, o que é apropriado ou não. E ser rígido nesse “quase contrato”.

Ai que surgem os problemas, quando um filho que ultrapassar algo acordado previamente. Você como pai deve se impor, explicar que o que é combinado não sai caro.

Com certeza isso vai causar um grande sentimento ruim em seus filhos, mas lembre-se, você está educando um ser humano, para ele ser bom, honesto e não ter qualquer tipo de dependência. Vale a pena, lá na frente, provavelmente quando você já tiver morrido, ele vai reconhecer. Porém, você vai se orgulhar de ter criado um filho que se tornou alguém bom neste mundo.

 

DEIXE SEUS FILHOS AJUDAREM A DEFINIR AS REGRAS07-let-ways-get-kids-off-phones-without-bribery-66211411-monkeybusinessimages-760x506

Incluir seus filhos no processo de criação de regras do telefone celular pode ajudar a manter os canais de comunicação abertos. Seus filhos precisam de uma chance para explicar um pouco do seu uso para você, então eles se sentiram ouvidos.

Por exemplo, seu filho pode precisar do telefone dele para o grupo de estudos todos os dias.

Quaisquer que sejam as regras de sua família, é importante que os adolescentes e pré-adolescentes o ajudem a determiná-los. 

 

FAÇA DO SONO UMA PRIORIDADE09-priority-ways-get-kids-off-phones-without-bribery-82805257-AGrigorjeva-760x506

Seja com 8 ou 18 anos, fazer as crianças e adolescentes irem dormir em uma hora normal pode ser complicado, mas será quase impossível se elas estiverem no meio de uma conversa no Whats App ou numa fase importante de um joguinho.

O uso de smartphone tarde da noite já foi demonstrado em pesquisas que interrompe o ciclo do sono.

O segredo aqui é exigir das crianças se desconectem cerca de uma hora antes de dormir.

Assim seus corpos e cérebros relaxem, permitindo um sono melhor. Esse exemplo deve ser seguido por todos em casa, afinal, os pais são o exemplo dos filhos.

Esses dicas, administradas na sua casa, podem render muito, e fazer sua família melhorar o convívio e ter mais momentos de divertimento e prazer juntos.

 

FONTE: Com colaboração da revista Reader’s Digest.